Biografia de Usain Bolt

A história do esporte nos conta centenas de casos de pessoas que começaram de baixo para lutar pelo sonho do sucesso. Um dos sonhos mais recentes e realizados é o de Usain Bolt, um velocista jamaicano que aos 31 anos já é considerado um atleta de sucesso e pronto para aposentar. Em sua curta, mas explosiva carreira, este incrível homem obteve as consagrações mais desejadas de todos aqueles que se dedicam a esta atividade.

A ilha do reggae que viu centenas de atletas nascerem

A história do sonho de Usain Bolt começou em 1986, na cidade de Trelawny, na Jamaica. Seus pais possuíam uma pequena loja que administravam com muito esforço para sustentar seus três filhos.

O ambiente de Usain foi construído desde criança em torno do esporte. Primeiro o críquete e depois o futebol. Mas posteriormente, à medida que foi crescendo, desenvolveu habilidades que o fizeram destacar-se nas corridas e, portanto, muitos de seus professores lhe indicaram que poderia ser uma boa ideia dedicar-se a esse esporte.

Como ocorre com quase todos os atletas olímpicos, Bolt logo passou a integrar um mundo de muita exigência, disciplina e busca pela perfeição permanente. Isso fez com que muitas vezes deixasse de lado o estilo de vida próprio de um jovem ou adolescente da época e se entregasse por completo ao seu sonho: competir nos Jogos Olímpicos e ganhar uma medalha de ouro. Foi no ano de 2001 da qual participou de sua primeira competição internacional que obtive suas primeiras marcas e recordes.

A corrida para o sucesso e a consagração absoluta

No ano de 2004 começou sua trajetória profissional, participando sem pausa de diversos tipos de competições. Os treinadores que o acompanharam souberam enxergar seu potencial em diferentes fases de sua carreira e explorar de algum modo suas capacidades mais fortes. Juntamente com outros corredores jamaicanos integrou a equipe nacional e sempre demonstrou orgulho de pertencer a esse país, apesar das tentativas de várias universidades norte-americanas de lhe oferecer uma bolsa de estudo para competir em nome dos Estados Unidos.

Foram os Jogos Olímpicos de Pequim 2008 e os de Londres 2012 que o consagrariam como um dos atletas mais vitoriosos da história. Conseguiu nas duas vezes vencer a maioria das corridas que participou e superar suas marcas, especializando-se em corridas curtas de 100 e 200 metros, mas também participando de corridas de revezamento com seus compatriotas.

Os Jogos Olímpicos de 2016 foram, segundo suas próprias palavras, a última participação oficial de Bolt neste tipo de evento.

Imagens instagram usainbolt

> Proximo >>>

Buscador