Biografia de Coco Chanel

Suas criações revolucionárias fizeram desta mulher uma das mais exemplares no mundo do vestuário e da moda. Seu estilo de vida se sobressaiu em sua época. Gabrielle Chanel, mais conhecida como Coco, deu seus primeiros passos na década de 1910 para destacar-se nos anos 20 e perdurar até hoje como uma das mulheres mais incríveis do século XX.

Romper com a tradição e o destino marcado pela sociedade

Nasceu em 19 de agosto de 1883 na cidade francesa de Saumur. Se levarmos em conta que Coco Chanel pertencia desde pequena a um mundo humilde, compreenderemos facilmente que sua infância esteve marcada pela falta de oportunidades e caminhos. No entanto, ela foi capaz de realizar-se com uma das atividades mais comuns e tradicionais que era permitido às mulheres exercerem no final do século XIX: a costura. Relegada do ambiente doméstico e familiar, esta tarefa sempre foi realizada pelas mulheres enquanto o mundo da moda da qual conhecemos atualmente começava a ser delineado com grandes nomes masculinos.

Desde pequena Coco Chanel mostrou dons pela costura e pela confecção, com uma breve passagem pelo mundo do canto e dos cabarés típicos da cidade em que vivia, além disso, essa tarefa se tornou um modo de vida porque a busca por opções de trabalho e vida era algo normal. Lentamente e com o passar dos anos se aproximou de um mundo de luxo, sempre olhando de fora, mas entendendo a possibilidade de montar seus próprios trabalhos a serviço dos outros. Romances, paixões e contatos que a procuravam por sua criatividade faziam parte dessa época de sua vida.

A revolução em um simples retalho de tecido

Além do glamour que a marca Chanel representa hoje no mundo da moda, um dos elementos que mais distinguiu Chanel de outros estilistas contemporâneos foi a originalidade para criar peças simples, elegantes e prontas para vestir. Até a década de 1920 a moda era entendida como um fenômeno que ocorria entre o cliente e o estilista e que cada produção era única e exclusiva. Chanel transformou suas roupas em modelos básicos que podiam ser facilmente imitados por todas as mulheres. Além disso, a linha reta e simples de seus vestidos e criações se tornaram um furor no momento em que começava a desaparecer o corpete.

Seu perfume Chanel nº5, representado por um famoso frasco de linhas retas, simples e sérias, tornou-se um dos produtos mais vendidos do século XX e um elemento de glamour e posse. Chanel não teve uma vida fácil nem mesmo sendo famosa, mas sua incrível experiência e caráter, assim como sua inteligência para os negócios a tornaram uma mulher respeitada numa área geralmente governada pelos homens.

Morreu aos 87 anos, em Paris, exatamente no dia 10 de janeiro de 1883. Não aparentava problemas de saúde, na verdade estava trabalhando na próxima coleção de inverno. Foi algo repentino.

> Proximo >>>

Buscador