Biografia de Anaxímenes (585 a.C. - 528 a.C.)

Mileto é uma cidade situada na costa do atual território da Turquia, mas que antiguidade fazia parte da civilização grega. Seus primeiros habitantes foram os colonos procedentes da ilha de Creta e da Grécia continental. Nos séculos VI e V a. C era uma cidade próspera dedicada ao comércio e seus habitantes tinham pouco interesse nos rituais religiosos. Preferiam dedicar-se aos negócios, especialmente à exploração do óleo, do vinho, de perfumes e metais. Também cultivavam as artes, a astronomia e as técnicas de navegação.

Neste contexto social e cultural nasceram três grandes pensadores: Tales, Anaximandro e Anaxímenes. Os três milesianos iniciaram um novo rumo no conhecimento, pois através deles iniciou a filosofia ocidental.

Suas novas abordagens se distanciaram da mitologia, já que começaram a pensar na natureza com critérios científicos.

Poucos dados são conhecidos sobre sua biografia, mas é considerado um dos fundadores da física.

Segundo os testemunhos de Diógenes Laércio, Aristóteles e Teofrasto, Anaxímenes nasceu no ano de 585 e morreu em 524 a. C. Seu pai se chamava Euristrato e seu professor foi Anaximandro, que por sua vez foi aluno de Tales de Mileto.

Nenhuma de suas escrituras foi preservada, mas seus comentaristas lhe atribuem uma obra, cujo título é "Sobre a Natureza". Escreveu no dialeto jônico e com um estilo simples e direto. Não existem dados relevantes sobre sua trajetória pessoal. No entanto, sabemos que se destacou em várias disciplinas: meteorologia, cosmologia, astronomia e geografia. Concebeu o mundo como se fosse um ser vivo, ou seja, como se a natureza em seu conjunto tivesse sua própria alma.

O ar é o começo de tudo

Da mesma forma que seus precursores, entendia a existência de um princípio originário ou único. Para Anaxímenes, tal princípio é o ar, do qual está submetido a dois processos que dão fôlego a todos os seres vivos: a rarefação e a condensação (o primeiro gera o calor e o segundo o frio). Em outras palavras, o ar é o elemento presente nos mecanismos que regem a natureza, como a propagação do fogo e o ciclo da água. Por outro lado, afirmou que a Terra é plana e se sustenta sobre uma massa de ar.

Não seria correto avaliar suas contribuições em termos de verdade ou falsidade, pois o interessante delas foi sua dimensão especulativa e teórica. Da mesma forma que Tales e Anaximandro, Anaxímenes teve uma intuição intelectual de grande valor científico: a physis ou natureza deve ser explicada a partir de certas leis que não tem nada a ver com a vontade dos deuses.

No mundo da astronomia, as contribuições deste pensador grego são reconhecidas e por este motivo uma das crateras lunares é conhecida como a cratera de Anaxímenes.

> Proximo >>>

Buscador